Artigo 22 - Tratamento de lesões cutâneas múltiplas na neurofibromatose tipo 1

Postado por: CNNF
27 de Setembro de 2014

A neurofibromatose tipo 1 (NF1) é um distúrbio autossômico dominante que apre­senta lesões cutâneas múltiplas, freqüentemente chegando à faixa de 500 a 1.000 lesões. Além das implicações psicológicas, as lesões apresentam um difícil dilema cirúrgico pela existência de limitadas opções. Os autores apresentam uma série de 175 pacientes com inúmeras lesões cutâneas tratadas com uma nova abordagem, utilizando a excisão por eletrocautério, A técnica resulta na remoção de grandes nú­meros de lesões com uma discreta cicatríz, um mínimo de desconforto e uma signifi­cativa satisfação do paciente.


A neurofibromatose tipo 1 (NF1) é um distúrbio autossômico dominante que apre­senta lesões cutâneas múltiplas, freqüentemente chegando à faixa de 500 a 1.000 lesões. Além das implicações psicológicas, as lesões apresentam um difícil dilema cirúrgico pela existência de limitadas opções. Os autores apresentam uma série de 175 pacientes com inúmeras lesões cutâneas tratadas com uma nova abordagem, utilizando a excisão por eletrocautério, A técnica resulta na remoção de grandes nú­meros de lesões com uma discreta cicatríz, um mínimo de desconforto e uma signifi­cativa satisfação do paciente.

Leia o Artigo completo através do link a seguir (necessário o programa Acrobat Reader – documento em PDF):

www.cnnf.org.br/portalnf/images/artigos/tratamento-lesoes-cutaneas.pdf